A cirurgia de varizes - pré-operatório e pós-operatório

Orientações para a cirurgia de varizes

Este roteiro explica o preparo da cirurgia de varizes pela nossa equipe. Se você quer saber mais sobre a cirurgia propriamente dita, clique aqui.

Ainda na clínica:

Nossa técnica de enfermagem irá:

  • Fará um entrevista breve perguntando sobre alergias, intolerâncias medicamentosas (que já devem ter sido comunicadas ao médico vascular na primeira consulta clínica) e eventuais outras dúvidas.
  • Orientá-la(o) sobre os ítens abaixo.
  • Fará as medidas da meia elástica antitrombo..
  • Oferecerá o termo de consentimento informado para que você leia, concordando ou não em assiná-lo.

Pré-operatório:

  • 
Os cuidados pré-operatórios da cirurgia de varizes se iniciam no dia anterior ao da data agendada para a cirurgia. Na véspera da cirurgia de varizes:
  • A depilação deve ser feita em toda região genital e toda área dos membros inferiores, à noite (exceto orientação diferente do seu médico).
  • Caso você opte por fazer depilação com cera, o melhor é realizá-la 3 dias antes da data programada para a cirurgia de varizes, para diminuir a irritação na pele.
  • O jejum deve iniciar 10 a 12 horas antes do horário programado para cirurgia de varizes (exemplo: se a cirurgia de varizes está programada para as 7:00 da segunda-feira o jejum inicia-se entre 19:00 e 21:00 do Domingo).
  • Deve ser evitado qualquer alimento sólido ou líquido após o início do jejum. No dia da internação:
Você aplicará na perna uma solução antisséptica da seguinte forma:
  • Tome um banho.
  • Após seu banho, aplique o produto antisséptico (clorexidina) sobre as pernas, friccionando a bucha por alguns minutos, no sentido da coxa para os pés, até tornear toda a perna.
  • Deixe secar naturalmente, use uma toalha limpa para retirar o excesso (utilize calça após aplicação para ajudar na proteção da pele até a hora da internação hospitalar).As medicações habituais (para pressão alta, hormônios, etc) devem ser tomadas até a noite da véspera da cirurgia ou de acordo com orientação específica. Internação:
Você deverá internar em um dos hospitais parceiros no horário e dia programado, levando os exames, guias autorizadas e demais documentos necessários conforme orientação de seu médico e procedimentos do convênio (se for este seu caso).
  • No hospital você será encaminhado(a) ao apartamento, quarto ou ao setro pré-cirúrgico e deverá aguardar com calma até ser levada ao Centro Cirúrgico pela enfermagem.
  • No Centro Cirúrgico (ou no quarto) o anestesista lhe avaliará e fará uma entrevista e analisará qual será o melhor procedimento anestésico para sua cirurgia de varizes. Habitualmente as anestesias mais aplicadas são a raquianestesia ou o bloqueio peridural, mas em alguns casos especiais até a anestesia geral pode ser utilizada.
  • Também faz parte de nossa equipe uma anestesista que nos acompanha nos procedimentos; entretanto, há hospitais que exigem que a as equipes anestésicas sejam das próprias instituições.  Cirurgia de varizes Pós-operatório:
  • O pós-operatório de cirurgia de varizes mudou muito nos últimos anos. Atualmente a intenção é fazer com que o paciente que opere as varizes movimente-se e volte a fazer suas atividades rotineiras o mais rapidamente possível. O verdadeiro objetivo do repouso é o conforto da pessoa que foi operada. No entanto, deve ser evitado imobilização prolongada, o que pode aumentar o risco de trombose venosa no pós-operatório.

    O antigo conceito de que se quebrar o repouso haverá retorno das varizes é completamente infundado

    Após a cirurgia de varizes, você sairá da sala de operações com uma meia elástica antitrombo estéril e faixas aplicadas às suas pernas. Você permanecerá com ambas por 24-32 hs (seu cirurgião vascular orientará). No geral, o pós-operatório de cirurgia de varizes é muito pouco doloroso porque as incisões são superficiais, na grande maioria são de tamanho milimétrico. Se a cirurgia de varizes for por termoablação (cirurgia de varizes a LASER ou RADIOFREQUÊNCIA), o pós-operatório pode ser ainda mais confortável. Contudo, cada pessoa tem o seu nível de sensibilidade e pode sentir um pouco mais de desconforto que outra pessoa. Nas incisões que necessitarem de pontos (quando há necessidade de retirada de veias safenas, ou grandes varizes), estes são em pequena quantidade e muitas vezes nem precisam ser retirados.

Regras Gerais do Repouso:

  • Calçar os pés da cama até a altura máxima de 10cm para que os pés fiquem mais altos. Essa posição ajuda a diminuir o inchaço no pós-operatório de cirurgia de varizes A partir do sétimo dia a cama pode voltar à altura original.
  • Enquanto na cama, faça movimentos de esticar e encolher as pernas e os pés para bombear o sangue das pernas e evitar estagnação nas veias profundas da panturrilha (barriga da perna).
  • Na primeira semana, o repouso no leito deve ser feito da seguinte forma: ◦ Vinte (20 min) a trinta minutos (30 min) deitada(o) ou sentada com os pés elevados ou apoiados (sempre mantendo a mobilidade dos membros conforme o ítem 2), alternados com 10 a 15 minutos andando.
  • Enquanto em pé, nunca fique parada(o), mantenha-se em movimento, andando normalmente.
  • Não há problemas em subir escadas, desde que não seja uma grande quantidade de degraus e que você o faça de forma calma e lentamente.
  • Não há restrição alimentar.
  •  No dia seguinte após a cirurgia de varizes você deverá retirar as faixas, meias antitrombos e, se houver, os micropores (aqueles pequenos “esparadrapos” nas incisões) das pernas. As faixas e a meia antitrombo podem ser retiradas durante o banho, para facilitar.
  • O banho é liberado no dia seguinte após a cirurgia de varizes, salvo alguma orientação específica.
  • A meia elástica antitrombo deve ser lavada ao ser retirada pela primeira vez e, após estar seca, deve ser usada continuamente até o primeiro retorno com o cirurgião vascular.
  • Tomar os medicamentos conforme receita e da forma como foi orientada pelo médico.
  • Retornar para reavaliação no dia e local orientado pelo médico que der alta (em média, 5 a 10 dias após a alta).
  • Telefone para a clínica ou para o hospital (fim-de-semana) em caso de dúvida. Seu médico é a pessoa que pode te ajudar caso algum questionamento surja. Evite seguir conselhos de pessoas leigas.
  • Se houver dor muito intensa (normalmente a cirurgia de varizes é muito bem tolerada), febre ou cefaléia (dor de cabeça) ao levantar, favor entrar em contato com o consultório que nossa secretária nos acionará. Caso algum destes problemas ocorra no fim-de-semana, favor voltar ao hospital onde foi realizada a cirurgia de varizes e pedir para contactar seu cirurgião.

O repouso pode variar entre os diversos tipos de cirurgia de varizes e cada caso será avaliado individualmente.

Lista de endereços do consultório e dos hospitais parceiros:

Consultório Rua Arthur Corradi, 101 salas 53 e 54 – S.B. Campo – SP (11) 4123-5677 [email protected]

Hospital Santa Catarina Av. Paulista, 200 (11) 3016-4133

Hospital Brasil Rua Cel. Fernando Prestes, 1.177 – Santo André – SP (11) 4993-9900 – PABX

Hospital do Coração Rua Desembargador Eliseu Guilherme, 147 04004-030 – São Paulo – SP Paraíso (11) 3053-6611 – PABX (11) 3889-9944 – Pronto Socorro

Hospital Sírio-Libanês Rua Dona Adma Jafet, 91 – CEP 01308-000 – Bela Vista – SP (11) 3155-0200

Hospital Assunção Av. João Firmino, 250 – Assunção – São Bernardo do Campo – SP (11) 4344-8000 – PABX

Hospital São Luiz Itaim Rua Dr. Alceu de Campos Rodrigues, 95 – São Paulo-SP (11) 3040-1100 – PABX

Hospital Santa Rita Rua Cubatão 1190 – Vila Mariana – São Paulo – SP (11) 5908-6000 (11) 5908-6069

Nosso Twitter

Nossa clínica

55 11 4123-5677
Horário:
Segunda - Sexta: 8:00 - 19:00